Veja como as cores podem influenciar na produtividade dos funcionários

Muitas pessoas acreditam que as cores das roupas influenciam, especialmente na virada do ano. Todo mundo quer um novo ano de sorte, prosperidade, paz… Enquanto uns acreditam e outros acham pura crendice a influência das cores na vida de uma pessoa, uma pesquisadora norte-americana mostra que as cores podem influenciar na produtividade dos funcionários.

Paredes brancas podem dar a aparência de um ambiente limpo e sem frescura. Mas no caso de escritórios, variar a cor pode ser uma boa ideia, não só para deixar o lugar mais estiloso, mas também para melhorar o rendimento dos colaboradores.

Segundo um estudo feito pela pesquisadora Nancy Kwallek, da Universidade do Texas, as cores podem afetar o trabalho. Para chegar a essa conclusão, ela convidou voluntários para trabalhar em três ambientes diferentes. Um deles tinha paredes vermelhas, o outro branca e, o terceiro, um tom próximo de verde água. Durante o estudo a pesquisadora identificou dois grupos de pessoas: um mais e outro menos afetado pelas cores. O primeiro grupo teve dificuldade de trabalhar no ambiente vermelho, ao contrário do segundo. Mas ambos cometeram mais erros quando estavam no ambiente branco.

“O branco não nos ajuda a ser produtivos, e a maioria dos ambientes de trabalho é branco, gelo ou cinza”, afirmou Nancy ao site americano Fast Company. O verde água, segundo ela, é uma boa escolha. “Pesquisas mostraram que os funcionários preferem trabalhar em ambientes com tons de azul ou verde”.

A pesquisadora afirma que nem sempre uma generalização de cores pode ser válida, porque enxergamos milhares de variações de tons. Segundo ela, o importante é observar como as pessoas respondem a uma determinada cor. A seguir, confira cores que costumam ser usadas como alternativa em escritórios e como elas afetam as pessoas.

Vermelho – para quem trabalha com detalhes

Uma cor forte, o vermelho estimula o batimento cardíaco e pode aumentar a pressão sanguínea. Um estudo da Universidade de British Columbia (UBC) concluiu que o vermelho pode melhorar a performance de quem executa tarefas nas quais é preciso prestar atenção a detalhes.

Azul – para os criativos

O azul acalma, promove a comunicação, o vínculo e a eficiência. Também ajuda a aumentar a criatividade. Pode ser uma boa cor para usar, por exemplo, em uma sala onde acontecem reuniões de brainstorming.

Amarelo – proibido para reuniões

O amarelo é uma cor estimulante e que atrai otimismo. Porém, uma dose em excesso pode causar ansiedade e estudos mostram que a chance de as pessoas perderem a paciência é maior em salas amarelas. Portanto, mantenha o amarelo longe das salas de reunião.

Verde – para inspirar inovação

Assim como o azul, verde é uma cor que acalma, promove harmonia e equilíbrio. Também pode aumentar a performance criativa. É uma boa escolha para escritórios onde a inovação é parte fundamental do trabalho.

Cinza – evite

Apesar do cinza ser neutro psicologicamente falando, falta energia. Pode ser inibidora e preparar as pessoas para um “período de hibernação”, segundo a consultoria londrina Colour Affects. Muito cinza pode gerar falta de confiança e até mesmo um ambiente mais triste. Pode ser usado em pequenas quantidades para quebrar cores mais fortes, como vermelho ou amarelo.

Com informações de Época Negócios

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestShare on Google+Email this to someone
Post Tags -